A gestão dos recursos humanos nas escolas particulares e, particularmente, seus mantenedores sentem a necessidade de organizar uma estrutura para administrar os funcionários, docentes e os agregados de maneira profissional. Esta necessidade tem se tornado cada vez mais evidente quando uma escola que teve um crescimento vertiginoso, agora se encontra em dificuldades financeiras ou crise institucional. Observa-se que a grande maioria das escolas particulares originou de empresas familiares e ainda muitas delas mantém esta condição, dificultando ainda mais a profissionalização da gestão dos recursos humanos.
A solução é desenvolver e implantar uma estrutura de serviços de recursos humanos ou terceirizar a atividade de modo que ela possa fazer um processo seletivo baseado no perfil do cargo e não por critérios pessoais; que treine e exija atualização dos docentes às novas tecnologias e conhecimento da área e; sobretudo, que acompanhe a evolução profissional do docente e o seu desempenho seja avaliado sistematicamente para se adequar às expectativas pedagógicas da escola, sendo remunerado por uma política de meritocracia. Portanto, sugere-se um projeto mais amplo de sucessão familiar.

Faça-nos um contato para conhecer mais detalhes sobre a maneira de nós trabalharmos com esta atividade.